Função referencial ou cognoscitiva: este ou esse

Quando usar os pronomes demostrativos esse, essa, isso; este, esta, isto?
Depende da função que desempenham, pois há quatro funções para os pronomes demonstrativos: função espacial, função temporal, função referencial e função distributiva.
Nota. A postagem trata apenas da função referencial.

Função referencial ou cognoscitiva: se refere ao discurso.

1. Os pronomes esse, essa, isso indicam no texto algo que já foi mencionado.
Ex.: Fazem parte do nosso dicionário palavras como poluente, entulho, resíduo, tóxico, efluente. Esses termos surgiram junto com a sociedade do bem-estar (os termos já foram mencionados, e no texto os pronomes "esse, essa, isso" referem-se a algo anterior, que já foi mencionado).
Ex.: É possível comer manga e tomar leite junto? Melancia com vinho faz mal? Disso tratam os autores no final do artigo.

2. Os pronomes este, esta, isto no texto referem-se a algo posterior, a algo que ainda não foi mencionado.
Ex.: O fato é este: nos matadouros e em todo lugar onde se mata um animal para comer essa eliminação é feita de modo cruel (indica algo posterior. No exemplo, "o fato é este:" o pronome se refere àquilo que virá no texto, à ideia posterior.
Ex.: É isto que eu digo sempre: cultura é fundamental.

RESUMO
Função referencial ou cognoscitiva - emprego em relação ao discurso:
o que vai ser mencionado: este
o que se mencionou antes: esse



ESQUEMA
este <=> esse.

FONTES

Nenhum comentário:

Postar um comentário